Sonhos, a matéria-prima do século 21


Está se sentindo um zumbi corporativo? É hora de reagir.

Revista Você S/A - por Gil Giardelli

Primeiro ato - Uma alu­na de MBA me procura e desabafa: "Meu chefe me valoriza, tenho or­gulho da empresa em que trabalho, recebo um bom salário, tenho um pla­no de carreira e casei com o companheiro que amo. Mas estou triste, sinto que falta algo, o que será?".

Segundo ato - Aos 22 anos, outro aluno cansou de ser funcionário. Ele quer em­preender. Questiono: "Você vai dar os dez melhores anos de sua vida para algo que não gosta?". Ele entra para um grupo de estudo independen­te, abre uma empresa e reto­ma o controle de seu tempo.

Terceiro ato - O progra­ma de trainee de uma im­portante multinacional tem quase 80 000 inscritos. Des­ses, 60 gênios são escolhidos. Um ano depois quase metade deles pediu demissão. Eles dizem ter cansado das quatro horas diárias no trânsito, da falta de estímulo à inovação, da intolerância ao erro.

E você, está se sentindo um zumbi corporativo? É hora de reagir. Não tenha medo de demitir da sua vida os che­fes que gritam. Renuncie aos trabalhos chatos. O que você está fazendo neste mundo?

O que fazer? Já pensou em largar tudo e empreen­der? Montar seu emprego ideal e a empresa dos seus sonhos? Vá conhecer outras realidades ao redor do mun­do. Sugiro Ásia ou África, lu­gares em que florescem as nuvens de inovação coletiva. Que tal criar ou engajar-se em um trabalho voluntário? Já imaginou ser um empre­endedor social?

Essas atitudes estimulam a criatividade, o coletivismo e despertam seu gênio adorme­cido. São também o melhor remédio para a depressão e o vazio existencial.

Vivemos uma abertura sem precedentes para novas ideias, abordagens e negócios. Lá vem você com a pergun­ta simplista "e onde arranjo tempo?". Sim, o tempo linear acabou. Esqueça o relógio e foque nas ações e no objetivo final. Mas você tem dúvidas e medos. E a bolsa do MBA que eu ganhei da empresa? E a prestação do carro? En­tão, faça como milhares de pessoas: separe duas horas por dia, sacrifique horas de lazer e de televisão e vá empreender na era digital. São milhares de caminhos, apli­cativos, empreendedorismo social, serviços diferencia­dos nas midias sociais, social commerce. Não se esqueça: a matéria-prima do século 21 são os sonhos. Sonhar gran­de ou sonhar pequeno dá o mesmo trabalho.

    Administração do Tempo

    Preencha aqui seus dados

© Copyright 2020 - Todos os direitos reservados à Methodus