Aluno deve cuidar para não se distrair na internet


Jornal Folha de São Paulo

Que a internet tem ferra­mentas cada vez mais impor­tantes na preparação para o vestibular, ninguém duvida. O difícil, diz Paulo Lima, coordenador do CPV, é não cair em tentação e deixar a pesquisa de lado para dar uma entrada rápida no Face­book, no Twitter ou no Orkut. "No final do dia, o aluno passou conectado [navegan­do em redes sociais] as qua­tro horas que deveria ter de­dicado exclusivamente ao estudo individual", diz Lima.

Por isso, a dica de Fátima Sanchez, que ensina jovens a otimizar seu tempo, é limitar a intemet para lazer a apenas um momento do dia. "De preferência no fim da tarde, que é quando o orga­nismo já está desacelerando para os estudos", sugere. O estudante João Pedro Dannemann tem uma tática para se policiar: só estuda com o computador desligado e, quando precisa da inter­net, não usa a sua máquina. "Acesso pelo computador dos meus pais. No meu tem muita distração."

• Saiba como usar a internet a seu favor

1 - Limite-se. Use a internet  para lazer, no máximo, uma vez por dia, inclusive para responder a e-mails ou acessar Facebook e Twitter.

2 - Distraia-se. Dê preferên­cia para entrar na internet no fim do dia, quando o estu­do já está menos produtivo. Enquanto estiver no período estabelecido para descanso, evite tratar de assuntos rela­cionados ao estudo.

3 - Desligue-se. Quando esti­ver usando a internet pa­ra estudar, deixe programas de mensagem instantânea desligados e passe longe das redes sociais.

4 - Dificulte. Deixe aquilo que pode distraí-lo longe de seu alcance. Se for preci­so, tire o computador ou a in­ternet de seu quarto.

© Copyright 2020 - Todos os direitos reservados à Methodus