Sem tempo para nada


Você pode estar sofrendo do fenômeno do tempo contaminado.

Revista Época Negócios.

O fenômeno da falta de tempo no mundo dos negócios e do trabalho vem causando uma epidemia de "sobrecarga" nas pessoas, diz Brigid Schulte, repórter do Washington Post que escreveu o livro Overwhelmed: Work, Lave, and Play When No One Has the Time ("Sobrecarregados: Trabalho, amor e lazer quando ninguém tem tempo"). Sempre atrasados e tentando concluir uma última tarefa antes de sair de casa, os sobrecarregados sofrem daquilo que os pesquisadores chamam de "tempo contaminado": não só fazer um monte de coisas durante as 24 horas, como também misturá-Ias de
tal forma que fica impossível delimitar fases especificas do dia. Brigid observa que as pessoas
competem para ser ocupadas, já que isso denotaria mais status profissional ou acadêmico. Citando o sociólogo John Robinson, especialista em administração de tempo, Brigid propõe uma solução: pare de dizer a si mesmo que está opressivamente sobrecarregado. Isso evita estresse desnecessário, exaustão, más decisões e a concepção torta de que o funcionário ideal é aquele que está sempre pronto para o trabalho, pois deveria se sentir grato por estar sobrecarregado.

 

© Copyright 2020 - Todos os direitos reservados à Methodus